Prefeito recebe visita de cônsul holandês

O diplomata, acompanhado de representantes da Fiemg veio conhecer o potencial da cidade para futuros investimentos.

Por Da redação 28/11/2018 - 20:04 hs
Foto: Assessoria de Imprensa / PMA

Uma visita com potencial para importantes investimentos. O prefeito Aracely de Paula, recebeu na segunda-feira, 26, o cônsul holandês Willem Moraal; o adido da embaixada em Brasília; Bert Rikken, a presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) Regional Vale do Rio Grande; Elisa Gonçalves Araujo; a diretora da Fiemg Regional Vale do Rio Grande, Miria Resende; o Diretor Regional da Fiemg em Araxá, Luiz Alberto Balieiro. Também participaram do encontro os secretários de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação Tecnológica, Geraldo Lima Júnior e de Obras Públicas e Mobilidade Urbana, Sebastião Donizete de Souza.

 

O cônsul veio conhecer Araxá e levantar informações sobre o potencial econômico da cidade que serão repassadas para investidores holandeses. O secretário Geraldo Lima explica que o diplomata já possui negócios com empresas da região e quer expandir os investimentos. “Há a intenção de recolher informações variadas para despertar o interesse de empresários holandeses por Araxá. Eles vieram acompanhados de uma equipe da Fiemg, entre eles um consultor agrícola. O objetivo é investir no setor de agronegócios”, ressalta.

 

Geraldo reforça ainda que empresas e empreendedores, donos de startups, interessados em fazer negociações comerciais com os holandeses, podem procurar a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e que a Administração Municipal tem total interesse em intermediar os contatos.

 

O prefeito Aracely destaca que a reunião foi muito proveitosa, esse tipo de contato é o primeiro passo para que importantes investimentos sejam feitos em uma cidade. “A expectativa é muito positiva. Ficamos otimistas em saber que tem empresários holandeses interessados em investir na região, que acreditam no potencial econômico da nossa cidade, na estrutura de segurança e na qualidade de vida”.


Fonte: Assessoria de Imprensa / PMA