Verão será marcado por chuvas e temperaturas acima da média

Março será o mês mais quente da estação

Por Da redação 24/12/2018 - 00:36 hs
Foto: Divulgação

 O verão, estação que marca o ápice do período chuvoso em boa parte do Brasil, começa nesta sexta-feira (21/12), às 20h23 (horário de Brasília). Nos próximos três meses, são esperadas chuvas mais constantes e volumosas e aumento da temperatura no Sudeste do país, principalmente nos meses de dezembro e janeiro.

 

“Ao longo deste período, esperamos chuvas ligeiramente acima da média no Noroeste, Norte e Leste de Minas, principalmente entre fevereiro e março. Nas demais regiões do estado, teremos chuvas dentro da normalidade”, aponta Arthur de Paiva Neto, meteorologista da Cemig. As previsões indicam que janeiro, como normalmente ocorre, será o período mais chuvoso. Porém, fevereiro deve apresentar precipitações acima da média normal.

 

Uma característica marcante da estação é a duração do dia, que fica mais longo, e também a ocorrência de veranicos, longos períodos sem chuvas, geralmente entre janeiro e fevereiro. Outro fator importante é que este verão será influenciado pelo fenômeno El Niño, pois as temperaturas superficiais do oceano pacífico se encontram acima da média na região equatorial. “Embora esse fenômeno exerça uma grande influência na pluviometria do Sul e Norte do país, na região Sudeste não há um padrão claro”, afirma o especialista.

 

Temperaturas

Apesar de não apresentar uma clara interferência nas precipitações, o El Niño traz um sinal claro de temperaturas acima da média. Em Minas, isso ocorrerá principalmente nas regiões Centro e Oeste, enquanto que nas demais localidades do estado as temperaturas tenderão a ficar dentro do esperado. Em relação aos meses, fevereiro será o mês mais frio, enquanto março, quando comparado a média do período, será o mês calor mais intenso.