Detran em Araxá é o primeiro do interior a implantar vistoria eletrônica

Por Da redação 14/10/2019 - 15:50 hs
Foto: Polícia Civil

Há uma semana, no dia 8 de outubro, o Detran-MG lançou a vistoria eletrônica. Belo Horizonte foi a primeira cidade a receber o novo modelo de inspeção. O procedimento substituiu o uso de lápis e papel. Por ser informatizado é mais rápido e seguro, evitando a ocorrência de fraudes.


A vistoria passou a ser realizada por meio de aplicativo que é disponibilizado apenas aos vistoriadores. As imagens coletadas são instantaneamente enviadas para o banco de dados do Detran, autorizando o processamento do serviço. A inspeção é obrigatória nos casos de transferência de propriedade, alteração de dados, segunda via do CRV (recibo de compra e venda) e baixa.


Araxá 

A unidade do Detran em Araxá foi a primeira do interior do estado a implantar a vistoria eletrônica. A utilização do sistema na cidade começou nesta segunda, 14 de outubro. A cidade foi escolhida para fazer o projeto piloto no interior estado, de modo a propor ajustes e tornar a solução tecnológica mais adequada a realidade das demais cidades, possibilitando sua expansão.


A expectativa é que o sistema reduza o tempo de vistoria, além de torná-la mais segura. A principal redução será no tempo gasto com a retirada dos decalques das identificações gravadas no chassi e no motor. Antes isso era feito com papel e lápis. Estima-se que ocorrerá uma redução de três a seis minutos por vistoria. Com efeito, no médio prazo, a tendência é que o Detran em Araxá consiga aumentar o número de veículos atendidos diariamente.


Como se trata de uma novidade, o sistema tem passado por revisões e aprimoramentos diários. Avalia-se que de quatro a cinco semanas o sistema esteja funcionando em sua plenitude e os funcionários habituados com sua utilização.


Novidades 

Além de fotos das identificações gravadas no chassi e no motor, o Detran passará a registrar fotografia panorâmica da traseira do veículo, etiquetas autodestrutivas e odômetro.


Outras mudanças:

A vistoria em veículo novo (0 km) passa a ser obrigatória, antes bastava o adquirente apresentar a documentação e o decalque da identificação gravada no chassi; existe uma delimitação geográfica na utilização do aplicativo, em regra, a vistoria poderá ser feita no shopping Boulevard Garden (sede do Detran) ou no SEST SENAT (veículos pesados); será obrigatório o pagamento da taxa de vistoria móvel, caso o veículo não seja apresentado nos pontos de atendimento do Detran (R$215,59); o proprietário do veículo que vier a ser apreendido e tiver transcorrido mais de trinta dias da aquisição deverá pagar a taxa de vistoria móvel (R$215,59).


Parcerias

Em Araxá, tem sido comum a união de esforços entre órgãos públicos, empresas, sociedade civil organizada e a sociedade, de modo a melhorar os serviços públicos que são prestados aos cidadãos.


Por conta desse esforço, foi possível viabilizar a implantação pioneira da vistoria eletrônica em Araxá. Os smartphones foram doados por uma concessionária e o Conselho Comunitário de Segurança Pública (Consep) custeou as despesas dos vistoriadores que deslocaram até Belo Horizonte para fazerem a capacitação.


O envolvimento dos araxaenses releva o interesse em ter um serviço público de qualidade e acessível, suprindo as dificuldades que a administração pública tem enfrentado nos últimos anos para prover esses serviços adequadamente.